10/09/2023 às 11h50min - Atualizada em 11/09/2023 às 00h02min

Roubos caem pelo quinto mês consecutivo na região central de São Paulo

O levantamento indica a consolidação do começo da reversão dos indicadores criminais na região da Cracolândia

Governo do Estado de São Paulo
https://www.saopaulo.sp.gov.br/ultimas-noticias/roubos-caem-pelo-quinto-mes-consecutivo-na-regiao-central-de-sao-paulo/

O mês de agosto terminou com a quinta queda consecutiva nos registros de roubos nas regiões dos Campos Elíseos e da Santa Cecília, áreas que correspondem ao 3º e 77º Distrito Policial (DP), no entorno da Cracolândia.

O levantamento realizado pelo Sistema de Diagnóstico das Cenas Abertas de Uso indicou que, no período, os roubos diminuíram 16% na comparação com agosto do ano passado, seguindo uma tendência de queda observada anteriormente. No mês, os furtos apresentaram uma redução de 7%.

“Se compararmos com o mesmo período do ano anterior, é evidente a melhoria da situação em termos de segurança nas localidades de Campos Elíseos e Santa Cecília”, analisa a Secretaria da Segurança Pública (SSP), com base nos dados divulgados semanalmente pela Coordenadoria de Análises e Planejamento.

Os dois crimes também seguem em queda na comparação mensal com o mesmo período de 2022. Em abril, os furtos e roubos caíram 19% e 8%, respectivamente nas duas regiões. Em maio, os furtos recuaram 22% e os roubos 20%. Já no mês de junho, a diminuição foi de 1% nos furtos e 14% nos roubos. Em julho, os roubos despencaram 27% e os furtos se mantiveram praticamente estáveis (2%).

Na semana observada, que vai de 28 de agosto a 3 de setembro, a polícia registrou 84 roubos nas áreas do 3º e 77º DP. Na primeira semana do monitoramento (de 27 de março a 2 de abril), foram contabilizados 190 roubos, portanto, uma queda de 56% nesse tipo de crime, quando se compara ao início da medição.

Os furtos também seguem nessa trajetória decrescente. Na última semana, foram 217 crimes cometidos na região central, 30% a menos que o contabilizado na primeira semana do monitoramento, quando 311 furtos tinham sido registrados.

O levantamento indica a consolidação do começo da reversão do cenário na região das Cenas Abertas de Uso. “Essa trajetória envolve a implementação de medidas preventivas, melhoria das estratégias de policiamento, investimento em recursos adequados e a busca de soluções conjuntas para os problemas da segurança no entorno”, explica a SSP.

Atuação da polícia na região central

Entre os dias 28 de agosto e 3 de setembro, a Polícia Militar realizou 14 operações de prevenção criminal no entorno do fluxo de usuários da região central, com mais de 200 ações ostensivas em pontos de incidência criminal.

Nesse período, 65 infratores foram presos em flagrante, sendo 15 por estelionato, 12 por tráfico de drogas, seis por furto, quatro por roubo, entre outros crimes. Além disso, 17 criminosos fugitivos do sistema penitenciário também foram capturados e presos. Do total de infratores detidos, 14 foram liberados depois de serem apresentados em audiência de custódia.

Desde o começo do monitoramento das Cenas Abertas de Uso, mais de mil infratores foram presos nas áreas do 3º e 77º DP. Mais de 260 eram foragidos da Justiça.

A SSP tem adotado uma série de medidas para combater a criminalidade na região central da capital. Houve aumento de efetivo de policiais militares e ações desencadeadas em conjunto com a Polícia Civil para identificar e prender quadrilhas que atuam no entorno da Cracolândia.

Termo de cooperação entre SSP e Justiça paulista

Nesta semana, o governo de São Paulo, por meio da Secretaria da Segurança Pública, assinou um termo de cooperação com o Tribunal de Justiça para monitorar infratores soltos em audiências de custódia na capital paulista, em especial os acusados de agressão contra mulheres com medidas protetivas e também os reincidentes em outros crimes.

As tornozeleiras poderão monitorar pessoas que já foram presas mais de uma vez, como forma de reduzir a reincidência criminal durante o cumprimento de penas ou medidas alternativas à prisão. Atualmente, a estimativa é que mais de 300 mil condenados ou acusados cumprem pena ou respondem processos em liberdade sem algum tipo de monitoramento eletrônico.

O post Roubos caem pelo quinto mês consecutivo na região central de São Paulo apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.



Fonte: www.saopaulo.sp.gov.br

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalfluminense.com.br/.