14/08/2023 às 11h33min - Atualizada em 17/08/2023 às 00h01min

Tecnologias para otimizar a gestão de hospitais pequenos

O sistema de gestão hospitalar ajuda a organizar o fluxo de dados entre departamentos assistenciais e administrativos. E isso gera economia de tempo e custos para a instituição.

Barbara Bitencourt
Divulgação

Tecnologias para otimizar a gestão de hospitais pequenos
O sistema de gestão hospitalar ajuda a organizar o fluxo de dados entre departamentos assistenciais e administrativos. E isso gera economia de tempo e custos para a instituição.

 

Ainda são muitas as instituições que não contam com o apoio da tecnologia para a gestão hospitalar no Brasil: dentre os que se classificam como um hospital de pequeno porte, cerca de 4.000 gerenciam a assistência e a área administrativa sem o apoio e os recursos de um sistema. Isso, muitas vezes, porque o hospital não tem o investimento necessário para a implantação do digital. 

No entanto, a experiência da implantação da tecnologia, mostra que a redução de custos costuma superar o investimento:

“O hospital de pequeno porte que implanta o sistema de gestão hospitalar costuma reduzir em 20% o custo de aquisição de medicamentos, por exemplo. Já na área assistencial o ganho é uma redução de mais de 40% no tempo dos procedimentos. Portanto, a ferramenta traz consigo uma expertise na gestão hospitalar que traz vantagens econômicas importantes para o hospital”, explica Moisés Maciel, diretor de Unidade de Negócios MV. 

Para entender o real impacto da tecnologia no dia a dia da gestão hospitalar, listamos as seis ferramentas mais importantes que funcionam de maneira integrada. Acompanhe: 
 

Prontuário Eletrônico

É o documento mais importante na assistência hospitalar por controlar todas as informações do paciente desde o primeiro contato com a instituição até o fim do tratamento, mantendo seu histórico salvo para futuras consultas. 

Painel de indicadores

Instalados em pontos estratégicos da instituição, eles permitem uma gestão à vista ao transparecer claramente e evidente os resultados de todas as áreas assistenciais e/ou administrativas — muitas vezes em tempo real.  

Biometria

O acesso biométrico para todo usuário do sistema aumenta a segurança do paciente e facilita o controle de informações vitais.

Interoperabilidade

O sistema de gestão hospitalar para uma organização de pequeno porte ainda conta com a possibilidade de comunicação integrada com soluções de terceiros, tais como, RIS, PACS e LIS, favorecendo a troca de informações relevantes do paciente. 

Integração online e offline

A implantação do sistema de gestão hospitalar garante ainda 100% de integração entre os processos intersetoriais estabelecidos. O resultado direto é aumento notável da produtividade da instituição como um todo. 

Controle de faturamento

Já na área administrativa, o sistema de gestão hospitalar propicia o controle avançado nos processos de faturamento que contribuem para aumentar a eficiência das atividades relacionadas ao setor. A automatização melhora a eficiência das contas médicas e diminui o número de glosas.

 

 

 


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalfluminense.com.br/.