15/08/2023 às 16h26min - Atualizada em 16/08/2023 às 00h04min

Fort Atacadista apoia projeto que promove a Educação Ambiental em Santa Catarina

Projeto “Aprendendo com a Árvore” oferece oficinas de capacitação para professores de escolas municipais do estado; próxima edição será no dia 24 de agosto nos Ingleses, em Florianópolis

Davi Paes e Lima
Paes e Lima Comunicação
Workshop PACA na EBM Prof. Mara Luiza Vieira Liberato, em Palhoça (SC), patrocinado pelo Fort Atacadista - Foto: Naturação
Um inovador projeto educacional intitulado “Aprendendo com a Árvore (PACA)”, idealizado e liderado pela professora Adriana Martinelli, está recebendo um importante impulso para promover a Educação Ambiental de maneira didática e envolvente nas escolas municipais de Santa Catarina. O Fort Atacadista, atacarejo do Grupo Pereira, reconhecido por apoiar diversas ações de responsabilidade social, abraçou o projeto e é hoje o patrocinador mantenedor do PACA. 

Com o objetivo de capacitar professores através de cursos de formação continuada, o projeto “Aprendendo com a Árvore” oferece workshops que abordam temas da diversidade biológica e englobam os 17 ODS estabelecidos pela Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ONU). De acordo com Adriana Martinelli, idealizadora do projeto, a capacitação visa atingir dois propósitos. “O primeiro tem o intuito de sensibilizar os professores para refletirem sobre os problemas socioambientais, a ética e seus desdobramentos. Depois, mobilizar para ação, incentivando a cooperação e construção de projetos que tenham como norte a conscientização ambiental no âmbito educacional”, esclarece a professora.


As professoras Adriana Martinelli (dir.) e Claudia de Souza Mangrich (esq.), responsáveis pelo projeto PACA - Foto: Naturação

As capacitações são realizadas em sala de aula ou em local determinado pela Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina (SED-SC). Desde que passou a contar com o apoio do Fort Atacadista, o projeto já realizou 10 workshops em sete municípios. A mais recente edição ocorreu em Itajaí, na última quarta-feira (09/08), e a próxima capacitação já está confirmada para o dia 24 de agosto, na E.B.M Herondina Medeiros Zeferino, no bairro Ingleses, em Florianópolis.

O PACA está em conformidade com a BNCC (Base Nacional Comum Curricular), que define as normas de aprendizagens essenciais que os alunos - tanto da rede pública quanto privada - devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da Educação Básica. Além disso, o projeto possui formatação única, sendo aplicado da mesma forma em todos os municípios. São oferecidas 35 vagas para professores por vez, no período matutino ou vespertino.


Workshop que ocorreu na última quarta-feira, na Escola Básica Edy Vieira W. Rothbarth, em Itajaí - Foto: Adriana Martinelli

Segundo Adriana, o apoio do Fort Atacadista é fundamental para o desenvolvimento do projeto por diversas razões. “Primeiramente, a empresa demonstra um compromisso sólido com a responsabilidade socioambiental ao reconhecer a importância da educação ambiental como meio de sensibilização e mobilização da comunidade. Além disso, a parceria com o Fort contribui para fortalecer os laços entre empresas, educação e meio ambiente, reforçando a conscientização ambiental”, completa.


Adriana Martinelli entrega cesta de presente do Fort Atacadista para a professora Jerusa Schroeder, de Itajaí - Foto: Divulgação  

Simone Cotta, gerente nacional de comunicação corporativa e ESG do Grupo Pereira, destaca o motivo da bandeira Fort Atacadista abraçar mais esta causa - além de outras que já apoia em SC, como o projeto Limpeza dos Mares. "A pauta sustentabilidade está cada vez mais presente no dia a dia do Grupo Pereira, não apenas em mudanças significativas implantadas em diversos processos de gestão das nossas mais de 100 unidades de negócio, como também através do apoio e incentivo a inúmeras iniciativas que endossam e promovem esta causa. E com o Projeto Aprendendo com a Árvore (PACA), liderado pela professora Adriana Martinelli, não poderia ser diferente. Ficamos encantados com essa proposta de levar para as salas de aula de escolas de Santa Catarina, em especial no ensino público, esses workshops tão ricos e que irão embasar e empoderar um grande número de professores por todo o estado de Santa Catarina, reconhecendo a importância da educação ambiental como meio de sensibilizar e mobilizar as comunidades", explica Simone.

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalfluminense.com.br/.