10/08/2023 às 09h29min - Atualizada em 13/08/2023 às 00h02min

Randoncorp registra receita líquida consolidada de R$ 2,8 bilhões no segundo trimestre de 2023

Valor representa estabilidade na comparação com 2022, com avanços em receitas no Exterior e no mercado de reposição de autopeças

Assessoria de imprensa
Divulgação
Divulgação/Randoncorp
A Randoncorp registrou, no segundo trimestre de 2023, uma receita líquida consolidada de R$ 2,8 bilhões, valor que representa estabilidade na comparação com mesmo período do ano passado. Considerando o contexto de mercado complexo, com queda de cerca de 40% na produção de caminhões no Brasil e crédito com taxas elevadas, o desempenho alcançado pela companhia é fruto da estratégia de negócios e reflete a internacionalização e diversificação de portfólio e mercados de atuação das empresas do grupo. No comparativo da primeira metade do ano, houve avanço de 3,6%, atingindo R$ 5,4 bilhões de receita nos primeiros seis meses de 2023.

O EBITDA Consolidado cresceu 22,8% no segundo trimestre deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado, alcançando R$ 444,4 milhões. A margem EBITDA também avançou 2,9 pontos percentuais, fechando em 16%.

Enquanto os volumes de vendas de autopeças para montadoras estão em patamares inferiores à média dos últimos dois anos, devido à redução na produção de caminhões no país, o mercado de reposição de autopeças está aquecido e o segmento de semirreboques segue com boa demanda do setor agrícola e de linhas de tanques para combustíveis.

As receitas do mercado externo somaram US$ 130,2 milhões no segundo trimestre, crescimento de 15,8%, representando 23,2% da receita líquida consolidada. No acumulado de 2023, este indicador atingiu US$ 241,2 milhões, 13,6% superior aos seis primeiros meses de 2022.

“A consistência dos resultados ao longo do primeiro semestre do ano evidenciou, mais uma vez, a assertividade da nossa estratégia. Em particular, quando analisamos o cenário do segundo trimestre, as reduções de demanda em algumas linhas de produto foram mitigadas pela boa performance de outras, e o aumento da exposição internacional das empresas do grupo tem sido fundamental para compensar os desafios do mercado doméstico”, explica o CFO da Randoncorp, Paulo Prignolato.

Outro exemplo do impacto positivo da estratégia de expansão da companhia são os incrementos de receitas a partir de empresas adquiridas recentemente. As operações da Hércules no segmento de semirreboques, expandindo atuação da vertical Montadora para os Estados Unidos, e da Juratek, no mercado de reposição de autopeças na Europa, controlada pela Frasle Mobility, adicionaram R$ 147,9 milhões de receitas no segundo trimestre de 2023. Outros R$ 28,1 milhões foram oriundos da empresa DB, que compõe a vertical Serviços Financeiros e Digitais da companhia.

“Indicadores como esses reafirmam a Randoncorp que estamos construindo hoje e projetam o queremos para o futuro: uma Companhia cada vez mais competitiva, gerando maior valor aos acionistas e impacto positivo para a sociedade. Mantendo a nossa característica de trabalhar com dinamismo, protagonismo e inovação, garantindo a sustentabilidade do negócio, mesmo em cenários desafiadores”, salienta o CEO da Randoncorp, Sérgio L. Carvalho.

Os dados completos podem ser acessados no portal de Relações com Investidores da Randoncorp: ri.randoncorp.com

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalfluminense.com.br/.