03/03/2023 às 12h57min - Atualizada em 04/03/2023 às 00h02min

Como aproveitar datas como Dia da Mulher e Dia do Consumidor para criar ações promocionais para delivery?

Campanhas devem começar antes das datas comemorativas e ser planejadas para que o restaurante fuja do convencional

SALA DA NOTÍCIA Uapê Comunicação
João Barcelos, especialista em delivery e e-commerce
João Barcelos, especialista em delivery e e-commerce

Março chega com duas importantes datas para o comércio: o Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8, e o Dia do Consumidor, comemorado no dia 15.

Pensando nisso, é comum que o varejo – em especial, o segmento de Alimentação fora do lar – façam promoções para atrair mais clientes e, consequentemente, aumentar as vendas durante esse período. Mas, para se destacar nos aplicativos de delivery, é importante seguir algumas dicas, já que as plataformas oferecem diversas opções ao consumidor.

Conforme explica João Barcelos, diretor da Premier Consultoria, especializada em alavancar empresas que trabalham com delivery e e-commerce, as duas datas se diferem um pouco quando se fala na conscientização do público. “O Dia do Consumidor não é tão conhecido, enquanto o Dia Internacional da Mulher é uma data mais divulgada. Ainda assim, muitas pessoas acabam esquecendo da celebração. Por isso, em ambas as situações, é fundamental lembrar a data com certa antecedência”, diz o especialista, que detém também o cargo de Embaixador do iFood.

Então, conforme Barcelos, uma boa sacada para atrair um público maior do que o convencional é começar com antecedência a fazer a comunicação em todos os canais de venda. “Por e-mail marketing, redes sociais, lista de transmissão, status e por todos os meios que o estabelecimento já costuma utilizar para falar com o consumidor e já tem como canal de venda, o cliente precisa saber que haverá ação promocional. Independente de qual for o escolhido, o importante é a antecipação na comunicação e não deixar apenas para o dia”, ensina.

Tudo isso é feito com o intuito de aumentar o nível de consciência do consumidor para as duas datas, mas sempre lembrando que elas são diferentes.

O Dia da Mulher costuma ser mais lembrado por pais, filhos, maridos e pessoas que desejam homenagear mulheres especiais. Ainda assim, muitos deles só se lembram da data ao verem propagandas e, por isso, a antecipação se faz tão necessária.

Para o Dia da Mulher o empreendedor deve preparar algo mais personalizado e atual, estar sempre de olho nas tendências e no que o público feminino vem consumindo nos estabelecimentos. Dentro dos aplicativos de delivery, os horários também são significativos. Pela manhã, por exemplo, as cestas de café costumam fazer sucesso, mas isso, claro, muda ao longo do dia.

Já o Dia do Consumidor acaba funcionando mais como um presente para os próprios clientes, com promoções voltadas diretamente para eles. Então, os descontos podem ser em itens diversificados.

Pensando nessas diferenças, quando se fala em apelo, é possível dizer que no Dia do Consumidor vale tudo, com produtos diversos, sendo que o que o cliente precisa é apenas saber daquela promoção, ter conhecimento da oportunidade de comprar com preços mais atrativos.

E enquanto algumas pessoas decidirão comprar um presente logo durante a manhã, outras podem começar a lembrar da data ao longo do dia, fazendo o agrado durante a tarde ou até mesmo de última hora, durante a noite.

Agora, a dica de ouro é vender a campanha com um nome específico, que tenha a ver com a data e com o restaurante. “Promoção de Dia das Mulheres” todos farão, então, essa não é uma maneira de se destacar. Com uma campanha bem pensada, é possível ter um apelo emocional, algo mais afetivo, que realmente conquiste o público.

No Dia da Mulher, é possível explorar imagens e narrativas que remetam ao passado, à valorização da mulher e ter um diferencial. Você pode gerar reciprocidade na comunicação, com termos como “a mulher da sua vida”, que gera gatilhos mentais, esse sentimento de reciprocidade e, automaticamente, o desejo de compra para presentear.

Com estratégias certas nos aplicativos por delivery, as vendas chegam a triplicar rapidamente, conforme a experiência que João Barcelos mostra a partir de cases de seus clientes. “Para tudo existem técnicas e estratégias. Não há milagres, mas muito estudo e conhecimento de como funciona a tecnologia e o mercado. Se o lojista aprende, logo seu restaurante performará conforme seus planos pelo delivery”, completa.

Sobre João Barcelos e a Premier Consultoria

João Barcelos é especialista em estratégias de delivery e e-commerce. O profissional, que dirige a Premier Consultoria, ajuda empresas a venderem mais e melhor por plataformas e apps especializados em delivery, sejam eles terceirizados ou próprios. Também presta consultoria para potencializar a estratégia de e-commerce de varejistas de todos os portes.

É Embaixador do iFood e um fenômeno das redes sociais no tema delivery, sendo assistido por milhares de pessoas nos cursos que ministra pela plataforma iFood e seguido em seu canal do Youtube (Segredos do Delivery com João Barcelos) e do Instagram (@joaobarcelosoficial).

A Premier Consultoria já atendeu mais de 13 mil alunos em cursos on-line e prestou mentoria a mais de 2 mil estabelecimentos.

Dentre seus clientes, encontram-se nomes como Subway, Mr. Cheney, The B-Burgers, Chiquinho Sorvetes, Sodiê Doces, Carol Coxinhas, Vivenda do Camarão, Pizza César, Pizzaria Graça di Napoli e Restaurante Dona Carmela.

A Premier Consultoria faturou R$ 2,4 milhões em 2022 e tem previsão de faturamento de R$ 3 milhões em 2023. Oferece serviços como: Curso para iniciantes no iFood, Análise de loja em apps (por vídeo);Gestão mensal de loja; Mentoria individual e Consultoria para redes de lojas e e-commerces.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalfluminense.com.br/.