Esposa de Assange agradece apoiadores e diz que ele precisa de espaço

1 leitura mínima
Esposa de Assange agradece apoiadores e diz que ele precisa de espaço

Stella Assange, esposa do fundador do WikiLeaks, Julian Assange, agradeceu ao público por apoiar seu marido em uma entrevista coletiva nesta quarta-feira (26) e pediu privacidade enquanto ele se recupera após sua libertação.

“Ele queria estar aqui, mas vocês têm que entender o que ele passou. Ele precisa de tempo. Ele precisa se recuperar”, disse ela.

Stella agradeceu ao primeiro-ministro australiano, Anthony Albanese, e aos funcionários do Departamento de Relações Exteriores e Comércio que trabalharam para garantir a libertação de Assange.

Ela reconheceu, entre lágrimas, o papel do apoio público na libertação de Assange, dizendo: “foi necessário milhões de pessoas. Foram necessárias pessoas trabalhando nos bastidores. Pessoas protestando nas ruas por dias e semanas e meses e anos. E conseguimos.”

Stella disse acreditar que Assange seria perdoado se a imprensa se unisse contra o precedente que o seu caso abre.

“Acho que ele será perdoado se a imprensa se unir para resistir a este precedente, porque afeta todos vocês, afeta a sua capacidade futura de informar o público e de publicar sem medo.”